GIRARTE BREVE JORNADA: NO PERCURSO

O Projeto Girarte surge no cenário artístico cultural de Minas Gerais, em julho de 2014, com uma expressiva história construída na relevância que o Projeto Café com Pão Arte ConFusão - realizado por mais de dez anos pela Fundação Cultural Ormeo Junqueira Botelho - sedimentou no município de Cataguases MG, com ações artísticas, culturais e educacionais, assim como nas pesquisas desenvolvidas em projetos paralelos como a Cia. Ormeo Teatro e Dança e o Projeto Café com Pão Itinerante 2013, sempre com o patrocínio do Grupo Energisa via Lei Estadual de Incentivo à Cultura, Lei Rouanet e, ainda, recursos da empresa.

O Projeto Girarte é desenvolvido com a prerrogativa de priorizar diversas dimensões do aprendizado no campo das artes, com pesquisa na criação multidisciplinar em segmentos de artes plásticas, audiovisual, dança, música, teatro e a promoção, junto aos jovens, da responsabilidade na preservação do patrimônio material e imaterial da cultura e da valorização das práticas artísticas na contemporaneidade. Conjunto este que contribuiu objetivamente na formação dos Artistas Pesquisadores que constituem hoje o Grupo de Pesquisa Girarte, idealizadores e promotores das atividades realizadas pelo Projeto Girarte.

Em seu primeiro ano de execução, 2014, o Projeto Girarte visitou 20 cidades, incluindo distritos, nos estados de Minas Gerais e Rio de Janeiro. A passagem do projeto se deu beneficiando mais de 35 escolas da rede pública de ensino e atingindo aproximadamente 14.500 pessoas, realizando atividades de arte-educação e variadas apresentações cênicas. Um efeito multiplicador de investimento e valorização de artistas, artesãos, profissionais locais que, direta e indiretamente, promovem o Projeto Girarte.

Esta caminhada de sucesso tem promovido consistente e frutífero diálogo entre escolas, comunidades e educação, através da arte. O que oportunizou, nos anos subsequentes, a parceria do Projeto Girarte, via Lei Rouanet, com empresas do Grupo Bauminas, Hidroazul, Grupo Votorantim, além da Energisa, assegurando a democratização cultural e a promoção social, princípios indissociáveis que fundamentam o Girarte.

Para as estradas não há alternativas, logo é no percurso físico do trabalho, na realização local em variados clima e geografia, no impacto da recepção alcançada diferentemente em localidades distintas e ricas em suas tradições, historias e costumes que, de modo significativo, o Grupo de Pesquisa Girarte converte experiências em sensibilidade criativa. O que originou um intenso passo rumo à construção, em 2016, de um espetáculo de dança cujo eixo investigativo está na Física clássica e nos códigos de leis que legislam nosso cotidiano. O espetáculo Lei é construído com as arrojadas assinaturas dos coreógrafos Alba Vieira e Mário Nascimento que contribuíram na criação dos movimentos em dança contemporânea para um trabalho desafiador e que propiciou aos Artistas Pesquisadores explorar os caminhos rumo ao estado de Mato Grosso do Sul.

A sede do Projeto Girarte é na cidade de Cataguases e os Artistas Pesquisadores, quando não estão na estrada, praticam diariamente nas instalações do teatro no Centro Cultural Humberto Mauro. Com uma rotina contínua e de alto rendimento em dança, contato/improvisação, teatro e ensaios os artistas do Grupo de Pesquisa buscam excelência, aprimorando e desenvolvendo, de maneira eficaz, trabalhos que realmente façam a diferença na vida de todos envolvidos na condução do projeto, nas escolas e cidades beneficiadas, no respeito dos parceiros e apoiadores.

O Projeto Girarte fazendo arte em toda parte, até o momento, beneficiou aproximadamente 25.000 pessoas, com apresentações de espetáculos explorando múltiplas linguagens artísticas, espaços cênicos peculiares, oficinas e atividades de arte-educação. A meta sempre está por vir, o empenho está em superar os melhores resultados, seguir na busca de saberes que tragam e estabeleçam novas conexões no âmbito nacional e internacional para fundamentar instâncias de incremento e prosperidade da arte que não para de girar.


Conheça algumas cidades visitadas pelo Projeto Girarte.


 

Em cada uma das cidade são realizadas oficinas artísticas, apresentações cênicas e palestras culturais voltadas para professores.

 

OFICINA DE DANÇA E TEATRO

Através de metodologias lúdicas, jogos e brincadeiras que acontecem dentro do ambiente escolar, estimulando a imaginação de jovens e crianças.

Saiba Mais

APRESENTAÇÃO CÊNICA

O “Grupo de Pesquisa Girarte” realiza uma apresentação cênica de curta duração, usufruindo de múltiplas linguagens artísticas.

Saiba Mais

BATE PAPO COM O PROFESSOR

Refletir no papel do professor enquanto facilitador do desenvolvimento de seus discentes em todas as esferas do conhecimento.

Saiba Mais